dito no bar

Piadas de bar

Piadas de Bar #41

 

Piadas de bar, nem sempre são boas, mas são de bar e engraçadas
 
Um bêbado foi ao bar ás 7 da manhã e de meia em meia hora pedia mais uma dose.
 
Cansado de atender o bêbado o balconista ficou puto! E viu um copo com a barata dentro, e serviu ele pro homem.
 
Ele bebeu, sentiu aquela coisa na boca, deu uma mordidinha e comeu.
 
Depois de meia hora:
 
– Mais, uma. E capricha na Ameixa!

Piadas de Bar #40

Piadas  

Piadas de bar, nem sempre são boas, mas são de bar e engraçadas
Mulher pergunta pro marido:
 
— Meu bem, o que você faria se soubesse que o mundo fosse acabar daqui a dez minutos?
 
— Eu faria amor com você, querida!
 
— E nos outros nove minutos e meio?

Piadas de Bar #39

 

Piadas de bar, nem sempre são boas, mas são de bar e engraçadas
 
Enxotado de casa pela mulher, que não tava a fim de dormir cheirando bafo de pinga, vai a um beco,acaba dormindo no chão e tem o relógio roubado. No dia seguinte, já curado da manguaça, ao andar pela rua, vê um cara usando o seu relógio, e se aproxima dele dizendo :
 
– Hei, cara, esse relógio é meu!
 
– Que seu que nada. Esse relógio eu peguei de um bêbado que eu comi ontem lá no beco.
 
-Tem razão, não é meu mesmo. Mas que parece, parece!

Piadas de Bar #38

 

Piadas de bar, nem sempre são boas, mas são de bar
 
Marido chega em casa indignado e diz para a esposa (loira):
 
– Encontrei aquele bestalóide do segundo andar se gabando de ser o maior garanhão. Sabe o que ele teve a ousadia de me dizer? Que já comeu todas as mulheres aqui do prédio, menos uma!!!
 
E a esposa, prontamente, responde:
 
– Deve ser aquela nojentinha do sexto andar…

Piadas de Bar #37

 

Piadas de bar, nem sempre são boas, mas são de bar
 

A professora estava perguntando na turma o que cada uma das crianças mais gostavam.
– Ritinha, do que e que você mais gosta?
– Das flores, professora.
– Que gracinha! E você, Mariazinha?
– Do céu, professora.
– Que lindo… E você, Soninha?
– Das borboletas, professora.
– Que maravilha… E você, Joãozinho?
– Ah, professora, eu gosto é de b#c#t#!
– O QUEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEE?????????????????????
– É professora; eu gosto mesmo é de buc#t#!
– Seu sem-vergonha! Vem cá!
A professora pegou o Joãozinho pela orelha e foi arrastando o moleque até a sala da diretora:
– Imagine só: eu estava fazendo uma brincadeira com as crianças na sala perguntando do que elas mais gostavam e esse menino vem e me diz que gosta de buc#t#!
– Como é que é, Joãozinho?
– É diretora; eu gosto é de buc#t#!
– SEU MAL-EDUCADO!!!!!! Vou já chamar o seu pai!
E chamou o pai do Joãozinho na escola. O homem chegou lá apavorado, querendo saber o que tinha acontecido…
E a diretora:
– Imagine o senhor que a professora estava fazendo uma brincadeira com as crianças, perguntando do que elas mais gostavam e o seu filho me responde que gosta de buc#t#!
– Ah, é isso? Liga não, diretora… Garoto novo… Nunca comeu um c#.

Piadas de Bar #36

 

Piadas de bar, nem sempre são boas, mas são de bar
 
Diz que o gauchão estava montado em seu cavalo, conduzindo a tropa de gado pelo pampa, de uma estância para outra.
Passando próximo à curva de um rio, qual não foi sua surpresa ao ver dois gaúchos, ambos de bombacha arreada, um comendo o outro. Diante daquela cena o gauchão perdeu a paciência:
– Mas que diabo, tchê!! – dando dois tiros pra cima – como se não bastasse a fama que tem este estado,os próprios gaúchos agora contribuem??!! Pois vou passar fogo nos dois!!!
 
O “gaúcho ativo”, sem parar de fazer o que estava fazendo, responde:
– Tu não tá vendo que estou salvando a vida deste vivente aqui? – dando umas palmadinhas no traseiro do “gaúcho passivo”.
– Mas como assim salvando a vida? – pergunta intrigado o gauchão, trinta e oito ainda em punho.
– O vivente aqui tava se afogando – explica o gaúcho ativo, ainda fazendo o que estava fazendo.
 
O gauchão ficou meio ressabiado, cofiou a barba e finalmente argumentou:
– Mas se o infeliz tava se afogando, tu tinha que tirar ele da água, fazer uma massagem no peito, uma respiração boca a boca…
– E como é que tu acha que tudo começou, tchê?

Piadas de Bar #35

 

Piadas de bar, nem sempre são boas, mas são de bar
 
Um sujeito cheio da grana, faz uma viagem e vai a Las Vegas. No hotel, já sozinho por um bom tempo, pede ao porteiro para lhe mandar uma prostituta, a mais linda de Las Vegas.
Alguns minutos depois batem na porta e ele abre para a mais bonita mulher que ele já viu. Ele a convida a entrar. Ela diz:
-Gosto de fazer as coisas devagar. Que tal uma punhetinha?
 
O sujeito concorda e pergunta:
-Quanto é?
-1000 dólares.
-1000 dólares? Você ficou louca?
 
A mulher leva o sujeito até a janela, abre a cortina e aponta para uma Ferrari estacionada na frente do Hotel:
-Está vendo aquela Ferrari lá? Comprei porque bato a melhor punheta que um homem possa imaginar.
O sujeito resolve experimentar. Afinal, não são 1000 dólares que vão deixá-lo mais pobre. E realmente, ele concorda que foi a melhor punheta que já fizeram para ele em toda a vida.
-E que tal uma trepada? Mas só no cuzinho diz a mulher.
-Quanto ?
-5000 dólares.
-O que, 5000?
 
E para justificar o preço, ela leva-o novamente até a janela e mostra um moderno prédio de 15 andares perto dali. e diz:
-Esse Prédio é meu porque dou a melhor trepada, sou o cuzinho de ouro de Las Vegas.
E o sujeito topa também. E depois concorda que o dinheiro não foi jogado fora. Mas em seguida, mais excitado, ele diz:
-Agora quero sua xoxotinha. Pago 10.000 dólares. Topa?
 
A mulher vai até a janela novamente e mostra um Shopping Center de umas 6 quadras com 1 cassino enorme, mais 300 lojas, 6000 vagas para estacionamento, o maior Shopping de Las Vegas. E diz:
-Está vendo aquele Shopping lá?
-Seu eu tivesse xoxotinha, já teria comprado faz tempo!

Piadas de Bar #34

 

Piadas de bar, nem sempre são boas, mas são de bar
 
Numa praia, um velhinho chega para uma loiraça de tanguinha e pede descaradamente:
 
– Posso pegar nos seus seios?
– Sai pra lá, velho pervertido! – Responde a moça.
– Quero pegar nos seus seios. Eu pago 50 reais!
– 50 reais?! – Indignada, a moça completa – Você acha que eu sou o que?
– Me deixe apalpar seus seios e eu lhe dou 100 reais!
– Sai pra lá, velho! – Desconversa a moça.
– E se eu der 500 reais? – Propõe o velhinho.
 
A moça da um tempo, e responde:
– Não. Eu disse não!
– Eu lhe dou 1000 reais!
 
A moça pensa consigo: “Ele e’ velho, parece inofensivo… vou aceitar esses 1000 reais!”, e responde:
– Tudo bem… Mas só por 30 segundos.
 
O velhinho se aproxima, pega os fartos seios com as duas mãos em concha e, apalpando-os exclama:
– Oh, meu Deus… Oh, meu Deus… Oh, meu Deus…
 
A moça, intrigada, pergunta:
– Por que e’ que você não para de dizer “Oh, meu Deus”?
 
E o velhinho, sempre amassando os seios, responde:
– Oh, meu Deus… Onde é que eu vou arrumar 1000 reais pra te pagar?

Piadas de Bar #33

 

Piadas de bar, nem sempre são boas, mas são de bar

Juquinha foi viajar de férias pela Europa junto com o pai e a mãe. Lá, com é comum, eles foram conhecer uma praia de nudismo.

O Juquinha fica observando que há homens bem-dotados e outros com o negócio bem menor. Curioso como ele só, pergunta para o pai por que aquelas diferenças.

Para desconversar o pai dá uma resposta esfarrapada:

-Os bem-dotados são mais inteligentes. E os que têm o bilau pequeno são mais burrinhos.

Depois da “magnífica” explicação, o pai sai para pescar.

Quando ele volta, Juquinha vem correndo lhe contar:

-Paiêêê! Pai! Enquanto cê tava pescando, a mamãe entrou na barraca com um homem muito inteligente. Mas quando eles saíram, o cara tinha ficado burrinho, burrinho!